Raridade em Ribeirão – “Ford Galaxie Landau” é restaurado como era na época de 1983

Reportagem
Tadeu Donizete / Rafael Viana
 

Dos 125 veículos fabricados “Ford Galaxie Landau” pela FORD do Brasil em 1983 quando a montadora encerrou sua linha de montagem;

Foto:arquivo pessoal -  Roberto Del Lama Júnior
Foto:arquivo pessoal – Roberto Del Lama Júnior

um exemplar foi restaurado em original aqui em Ribeirão Preto e você pode vê-lo circulando pelas ruas da cidade.

O termo antigomobilista é a identificação daquelas pessoas que admiram e/ou possuem carros antigos.

O Antigomobilista não conhece bem os termos vender, negociar ou trocar. Entre este grupo também tem um subgrupo de que curtem mais o processo da restauração; estudam como o

pincel e a polidora foram passados originalmente, pequenos detalhes encontrados em fotos antigas de revistas especializadas para como na “fonte da Juventude” voltar a ser como era na saída da linha de montagem. Tão logo terminam a renovação, já encaram o próximo projeto de ressurreição, o próximo desafio a ser vencido.

 

Foto:arquivo pessoal -  Roberto Del Lama Júnior
Foto:arquivo pessoal – Roberto Del Lama Júnior

Experiência no Assunto

O Pintor Edmilson Viana, Antigomobilista,  é um destes especialistas em  Repintura e restauração automotiva, profissional há mais de 30 anos , já passaram pelo seu Ateliê Automotivo  modelos nacionais e internacionais revitalizados.

 

Antes de fazer qualquer coisa, precisamos conhecer a história  daquele carro a ser restaurado e isto demora um certo tempo. Não acontece com um passe de mágica, mas o resultado final é igual as fotos de divulgação do lançamento do veículo.”  Falou o Edmilson Viana a nossa reportagem.

O  Ford Galaxie Landau cor azul clássico 1983 proprietário Roberto Del Lama Jr

Foto:arquivo pessoal -  Roberto Del Lama Júnior
Foto:arquivo pessoal – Roberto Del Lama Júnior

Um pouco de História :  

O maior carro já produzido no Brasil tem suas raízes nos Estados Unidos, país sede da Ford, a fábrica que criou e trouxe ao público a linha Galaxie. Em 1959 o nome Galaxie 500 surge anunciando a versão top de linha do sucesso Fairlane, até então o mais cobiçado sedan da marca.​
O nome é uma alusão a era da corrida espacial (Galaxie – remete a palavra inglesa Galaxy, em português Galáxia) e o número 500 é inspirado na vitória da 500 milhas de Daytona (1958).​

Foto:arquivo pessoal -  Roberto Del Lama Júnior
Foto:arquivo pessoal – Roberto Del Lama Júnior

O GALAXIE NO BRASIL

​​Em 1967, mais precisamente no dia 16 de Fevereiro o primeiro Ford Galaxie 500 saí da linha de montagem sendo o primeiro automóvel de passeio nacional da Ford.

Em 1967, mais precisamente no dia 16 de Fevereiro o primeiro Ford Galaxie 500 saí da linha de montagem sendo o primeiro automóvel de passeio nacional da Ford.

Com  motor V8 ; por fora a carroceria grande com 5,40m de comprimento e 1,99m de largura (medido da maçaneta a maçaneta), frisos de alumínio contornando as caixas de rodas, nas latarias entre os recortes dos para-lamas e na grade dianteira.

​Em Fevereiro de 1983 o último Ford Galaxie Landau deixa a linha de montagem, os 125 veículos produzidos nesse ano marcaram o fim de uma era.
Oficialmente o carro foi substituído pelo Ford Del Rey, também luxuoso e confortável.

​O Ford Galaxie Landau 83 do Roberto Del Lama Jr é uma raridade histórica, Cor Azul clássico. Demorou dois meses para ficar novo de novo.

 

Mais detalhes sobre pintura e conservação de pintura automotiva.cartao-tio-ediilson

Pintor Edmilson Viana – Ateliê Automotivo

Tel. (16) 9-9133-2610

 

 

 

 

3 Replies to “Raridade em Ribeirão – “Ford Galaxie Landau” é restaurado como era na época de 1983”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *