Projeto “Sem abelha, Sem Alimento” realiza atividades de conscientização da proteção das abelhas

Foto: PollyDot

O Projeto “Sem Abelha, Sem Alimento” levou conhecimento para mais de 2.977 crianças, de 121 turmas dos 3° e 4º anos do Ensino Fundamental, da Rede Municipal de Ensino de Ribeirão Preto e 139 alunos da escola Liceu Albert Sabin. Professores e coordenadores de 28 escolas passaram por formação para conhecerem o projeto e planejarem as atividades sobre como trabalhar com os alunos, a partir da óptica das abelhas: biodiversidade, interação entre abelhas e plantas, cadeia alimentar, observação dos seres vivos, diferenças entre abelhas e outros insetos, polinização, produção de alimentos e sustentabilidade de ecossistemas.

O projeto está na fase de visitas temáticas das crianças e professores ao Bosque Fábio Barreto e já registrou a vinda de 914 alunos. Está sendo preparada uma grande exposição pública dos trabalhos produzidos pelos alunos, a qual será realizada no dia 29 de setembro.

No Bosque, as visitas temáticas agendadas estão acontecendo de segunda a sexta-feira, com cerca de uma hora e meia de duração. Elas são planejadas e operacionalizadas pelo PEA – Programa de Educação Ambiental, do Parque Municipal do Morro de São Bento, desenvolvido em conjunto pelas Secretarias da Educação e do Meio Ambiente – Divisão de Planejamento e Educação Ambiental, e acontecem até o final do ano letivo.

O objetivo do projeto é aproximar as crianças da natureza, mostrando a interação entre abelhas e flores para a produção de frutos e sementes e, assim, ensinar não só a apreciação pelo conhecimento científico, mas também o respeito pela natureza.

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *