Mercadão de Ribeirão Preto completa 118 anos

Reportagem: Francisco S. / Edição e Revisão: Jor.Rafael Viana / Ribeirão Web News

Vetor: Freepik.com

O Mercado Municipal de Ribeirão Preto, mais conhecido só como Mercadão, completa nesta sexta-feira, dia 28 de setembro, 118 anos.

Tombado pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo), em 1993, como Patrimônio Histórico e considerado um dos pontos turísticos de Ribeirão Preto. 

O Mercadão é hoje uma referência de encontro para os ribeirão-pretanos e também para as pessoas que vêm para a cidade. Por lá, passam cerca de 30 mil pessoas por semana, totalizando 1,44 milhão por ano. 

As comemorações terão uma série de atividades ao longo do dia, entre elas dança, música e, como não podia faltar, o tradicional parabéns, com um bolo de cinco metros de comprimento e mais de 90 quilos. Também terá pipoca e algodão doce, aferição de pressão e testes de glicose. 

 

 

História

Ele Começou a ser construído em 1899. Inaugurado em 1900, o prédio do Mercadão está localizado no quadrilátero entre as ruas São Sebastião / José Bonifácio.

Sua Contrução quando foi concebida tinha cobertura envidraçada, tijolos de barro, o prédio original é muito diferente do Mercado Municipal de hoje.

Sua Reconstrução 

O antigo prédio foi atingido pelas enchentes, características da cidade, mas em 07 outubro de 1942, durante a Segunda Guerra Mundial, um curto circuito foi o motivo do grande incêndio que destruiu o prédio, tornando-o inabitável. 

E em 1956, surgiu a proposta da construção de um novo Mercado Municipal. Após 16 anos da tragédia, o então prefeito, Costábile Romano inaugurou o prédio. A partir do dia 28 de setembro de 1958 o novo prédio do Mercado Municipal retomou impulso econômico e até hoje se mantém.

Projeto Artístico

Projetado pelo engenheiro Jaime Zeiger, o novo prédio passou a exibir uma arquitetura moderna, inovadora para a época. Com 4.150 metros quadrados divididos por um corredor principal, cinco corredores secundários, a parte externa, revestida por pastilhas foi presenteada com a obra do artista Bassano Vaccarini.

 

 

Fonte: Prefeitura de Ribeirão Preto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *