Histórias desperta a imaginação das crianças na Feira do Livro

Foto: Divulgação Assessoria de imprensa 15ª Feira do Livro
Foto: Divulgação Assessoria de imprensa 15ª Feira do Livro

“As oficinais de contação de histórias despertam a imaginação da criança”, destacou a professora Maria Cristina Souza, da escola municipal de Educação Infantil Alaor Galvão Cesar.

Junto com seus alunos, ela assistiu na manhã de terça-feira, dia 16 de junho, a contação de histórias de Tânia Alonso no Colégio Marista, atividade que faz parte da 15ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão. Tânia contou, entre outras, histórias de Ruth Rocha, autora infantojuvenil homenageada nesta edição da Feira.

Aproximadamente 300 crianças entre 6 e 10 anos, de escolas da Rede Municipal de Educação, participam de cada uma das seis sessões diárias de contação de histórias.
Na terça, a primeira história a ser ouvida pelo público foi “Marcelo, Martelo, Marmelo”, que fala das travessuras de Marcelo, um menino muito divertido que, de uma hora para outra, decide reinventar os nomes das coisas.

“Eu gosto muito de histórias e de livros. Gostei bastante da apresentação”, contou Aluna Micaela dos Anjos, de 7 anos.

Além do Teatro Marista, a programação da 15ª Feira do Livro, também oferece atividades infantojuvenil na praça Carlos Gomes e no Sesc-Ribeirão.

 

 

Fonte e Reportagem: Divulgação da Assessoria de Imprensa da 15ªFeira do Livro de Ribeirão Preto

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *