Confiança do empresário industrial cresce, mas ainda há pessimismo no setor, revela levantamento do Ceper/Fundace

vetor:freepik.com
vetor:freepik.com

Empresário, porém, se mostra mais otimista com a situação da sua empresa e espera leve melhora para os próximos 6 meses

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) voltou a apresentar crescimento a partir de maio de 2016, mas ainda está abaixo dos 50 pontos, o que confirma que o pessimismo no setor se mantém. É o que mostra o Boletim Indústria do Ceper/Fundace, desenvolvido por pesquisadores da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEA-RP/USP).

“O fato do Índice ainda se encontrar em terreno negativo é decorrente das expectativas em relação à economia”, explica Luciano Nakabashi, coordenador do Boletim. Ele afirma que o empresário industrial continua pessimista em relação à situação da economia brasileira para os próximos seis meses.

“Por outro lado, o indicador revela que o empresário está mais otimista com a situação da própria empresa e espera uma leve melhora no período, o que indica um bom sinal para uma possível retomada no setor”, destaca o pesquisador.

Sondagem Industrial – O Índice de Sondagem Industrial aponta que os indicadores de volume de produção, utilização da capacidade instalada e evolução do número de empregados da indústria também estão abaixo dos 50 pontos, fato que vem ocorrendo durante todo o período analisado pelo Ceper/Fundace. De setembro de 2014 a fevereiro de 2016, os indicadores apresentaram piora mês a mês, com uma desaceleração nessa tendência a partir de março.

Na avaliação de Nakabashi, para uma retomada mais consistente da economia e da indústria é preciso controlar os gastos do setor público. “Reformas importantes são necessárias como, por exemplo, a previdenciária e tributária, mas estes seriam apenas os primeiros passos de outras medidas necessárias”, avalia.

 

 

Texto e Fonte: Dulcelene Jatobá / OPA Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *