A Igreja do Ir!

Foto: Rafael Viana / TDVIDEO.com.br
Foto: Rafael Viana / TDVIDEO.com.br

A Reitoria Santo Antônio, Pão dos Pobres, carinhosamente conhecida como a Santo Antoninho na Avenida Saudade, 202 nos Campos Elíseos de Ribeirão Preto, na comemoração dos seus 112 Anos de Fundação, sendo freqüentada por maioria de fiéis que vivem o “entardecer de suas vidas”, tendo em média 75 anos de idade, acolhendo nosso Projeto Missionário SIM – Ser Igreja em Missão e os insistentes pedidos do Santo Padre o Papa Francisco, de irmos às periferias de nossas Paróquias, passou a celebrar as Missas Semanais nas residências das pessoas que já não podem vir, tornando-se para elas, seus familiares e vizinhos, A Igreja do Ir!

            As Missas Dominicais continuam as 8 e 10 horas. Já as Semanais são celebradas nas residências, que reúnem um razoável número de fiéis. Desde de fevereiro de 2014, agendamos as Missas nas residências e condomínios.

Em sua primeira Exortação apostólica, A Alegria do Evangelho, o Papa Francisco nos conclama a sermos “Uma Igreja ‘em saída’”, o que já vimos praticando em nosso Projeto Missionário.

Há, além das periferias pobres em torno de nossa Reitoria, as periferias dos condomínios e dos segmentos da sociedade, que vivem da cultura do consumo, não poucas vezes “pobres” e vazias do Evangelho!

Foto: Rafael Viana / Ribeirão Web News
Foto: Rafael Viana / Ribeirão Web News

A idéia da Igreja do Ir não é criatividade pessoal. Aprendi com Dom Angélico Sândalo Bernardino, Bispo Emérito de Blumenau (SC), enquanto me encontrava em missão naquela dinâmica Diocese. Este Homem angelicamente Angélico conclamava em cada pronunciamento, seu rebanho a sair dos Templos e ser A Igreja do Ir aos que já não podiam ou queriam vir. Colaborei com ele e um seleto grupo de Diáconos Permanentes a fundar a primeira Escola Diaconal de Blumenau, da qual ele, antes de se tornar emérito, ordenou 38 homens pastoralmente generosos, sensíveis, zelosos e empenhados na formação de líderes das inúmeras Comunidades. Hoje somam ao primeiro grupo dessa Escola e aos 31 que já atuavam como Diáconos Permanentes, centenas de novos Formadores de Lideranças, valorizando, sobretudo, a presença sempre marcante de Leigos e Leigas à frente das Pastorais, Serviços, Movimentos e Animadores das Comunidades de Fé, Oração e Amor!

Ao invés de uma “Igreja Clerical e Centralizadora”, pensa-se uma Igreja inteiramente missionária e ministerial, como tanto nos pede o Concílio Ecumênico Vaticano II. Minha gratidão é profunda, pela experiência profética que Dom Angélico me permitiu e que hoje se confirma nos incontáveis pedidos do Santo Padre o Papa Francisco!

 

Nossa próxima Missa deste Projeto, aberta a todos que desejarem participar, será dia 12 de outubro, segunda-feira, às 09 horas, na residência de Dona Alice Weck e sua irmã já com 94 anos, Margarida Pereira, na Rua Capitão Salomão, 705, nos Campos Elíseos, em Ribeirão Preto.

 

Pe. Gilberto Kasper - Foto : Divulgação / k2 Imagens
Pe. Gilberto Kasper – Foto : Divulgação / k2 Imagens

Pe. Gilberto Kasper
[email protected]

Mestre em Teologia Moral, Licenciado em Filosofia e Pedagogia, Especialista em Bioética, Ética e Cidadania, Professor Universitário, Docente na Associação Faculdade de Ribeirão Preto do Grupo Educacional da UNIESP, Assistente Eclesiástico do Centro do Professorado Católico, Reitor da Igreja Santo Antônio, Pão dos Pobres da Arquidiocese de Ribeirão Preto, Presidente do FAC – Fraterno Auxílio Cristão e Jornalista.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *